• FG Comunicação

Entenda as BDR's para começar a investir no exterior

Atualizado: 16 de fev.





Disney, Facebook, Apple, Netflix, Google, Twitter, com certeza você conhece ou usa algum serviço dessas empresas e provavelmente já sabe que elas não são brasileiras, não é?


Nós vamos falar de BDR. Um tipo de investimento que facilita o acesso a empresas estrangeiras de uma forma muito mais simples. Ficou curioso? Então vem com a gente aprender tudo sobre BDR e como investir nessas empresas super conhecidas.


BDR são recibos de ações de empresas estrangeiras negociados na bolsa aqui no Brasil. Na prática, é um jeito simples de investir no exterior. Empresas como Netflix, Google, Amazon, Twitter, entre muitas outras. Com os BDR’s também dá para investir em companhias brasileiras que tem seu capital aberto em outro país.


O processo de emissão de BDR sempre envolve 2 instituições: e a primeira delas é a instituição custodiante, ela tem o papel de comprar as ações lá no país de origem da empresa. Para que elas fiquem como garantia daquela BDR, que vai ser negociada aqui no Brasil.




E a outra é a instituição depositária. Essa fica aqui no Brasil mesmo e ela é responsável por emitir e cancelar os BDR’s junto a B3, que é a nossa bolsa de valores aqui do Brasil.

Existem também alguns tipos diferentes de BDR. Um deles é os patrocinados, que é quando uma empresa estrangeira como o Apple, Google deseja vender suas ações aqui na bolsa Brasileira. Para fazer isso, ela procura uma instituição depositária que quer ter a custódia dos ativos e distribuir aos investidores por meio de BDR.




Existem bbs patrocinadas de nível 1,2 e 3. Depende do tipo de distribuição de cada um e o volume de informações sobre a empresa.


E os outros tipos são os BDR’s não patrocinados. Nesse caso, a empresa estrangeira não participa da emissão do BDR, aí é a instituição depositária que tem interesse em oferecer as ações ela vai lá fora abre uma conta em uma instituição custodiante para poder adquirir esses ativos e oferecer aqui no Brasil como BDR, lembrando que essas ações ficam depositadas e bloqueadas lá na instituição custodiante e servem de garantia para a emissão dos BDR’s.


Antes, os bdrs eram exclusivos para investidores qualificados, ou seja, quem já tinha mais de 1000000 em aplicações financeiras mas a comissão de valores mobiliários, a CVM, mudou essa regra agora. Investidores comuns, que não possuem toda essa quantia, vão poder investir nas categorias de BDR não patrocinados e patrocinados níveis um.

Hoje, na bolsa Brasileira, existem mais de 500 BDR’s e esse número tende a continuar aumentando, além dos BDR de ações, o investidor pessoa física vai poder investir em BDR de ITF, que são fundos de índice negociados globalmente, além de BDR de dívidas.


Mas por que você vai querer investir no exterior usando o BDR? Tem vários motivos. Primeiro, que o BDR é uma forma de você diversificar os seus investimentos, aplicando no mercado Internacional. Só que de forma bem mais simples. Sem falar que você não vai precisar abrir uma conta em outro país e nem ficar enviando dinheiro lá para fora. E também não vai precisar pagar os custos do câmbio, ou seja, OF outras tarifas que são cobradas na conversão da moeda costumam ser mais altas para pequenos valores.


A regra de declaração dos BDR’s no imposto de renda é basicamente a mesma que ações. 15% dos lucros das operações de swing tradem, 20% dos lucros nas operações de day trade e você também não vai precisar ficar lendo vários documentos em outros idiomas. Todas as operações de BDR acontecem aqui no Brasil e em reais, bem simples, não é?


Agora quanto custa investir em bdrs? Bom, isso pode variar muito, mas os preços começam em pouco mais de 10 BRL. E olha só, eu preciso deixar bem claro aqui, investir em BDR é diferente de investir diretamente em uma ação. Na verdade, você não vai se tornar sócio da empresa quando comprou BDR igual acontece quando você compra uma ação aqui no Brasil. Isso acontece porque os BDR’s representam a ação da empresa, mas não são a ação em si.


Faça uma análise das empresas, verifique o histórico dessas companhias, a liquidez, os custos de operação e, claro, não esqueça de conferir se esse tipo de investimento é adequado para o seu perfil de investidor.


Gostou do nosso conteúdo? Para saber tudo sobre seus investimentos no exterior o seu lugar é aqui no finançasdiretoaoponto.com .

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo